terça, 07 de maio de 2019 - 09:35h
Gestão Ambiental
A Meliponicultura (criação de abelhas sem ferrão) entra no Planejamento estratégico do Município de Calçoene norte do Estado do Amapá
Por: Assessoria de Comunicação Municipal
Foto: Claudio Tsuyoshi Ushiwata / Richardson Frazão
Fotografia: Avaliação do sistema de produção integrado no açaizal e degustação de mel na colmeia.

No último dia (05/05) gestores do município de Calçoene-AP, visitaram o Espaço Néctar da Amazônia em Fazendinha – Macapá para conhecerem de perto os aspectos sociais, ambientais e econômicos da Meliponicultura (criação de abelhas sem ferrão da Amazônia).

Ao buscar novas oportunidades para o município de Calçoene no norte do Estado do Amapá, com cerca de 11 mil habitantes, o atual prefeito Júlio César Buscarons conhecido como “Júlio 7 Ilhas”, esteve em comitiva com Rogério Meireles (Secretário de Administração e Planejamento), e o agrônomo consultor Claudio Tsuyoshi Ushiwata no Espaço Néctar da Amazônia coordenado pelo biólogo Richardson Frazão.

A visita teve como objetivo, buscar informações para compreensão do impacto das abelhas nativas a serviço da agricultura tropical, especialmente no Açaí integrado a Meliponicultura.

O município de Calçoene, possui uma das melhores variedades de açaí do Amapá. Assim, a Meliponicultura passa ser avaliada como uma estratégia potencial para desenvolver ações para o desenvolvimento da agricultura da região. Estudos apontam um aumento de até 40% na produção de frutos com a polinização por abelhas nativas.

Visão do gestor

“O município necessita reavaliar novas oportunidades, para integrar ações que permitam desenvolver entre outras questões a agricultura, para aproveitar ao máximo as oportunidades com as tecnologias que já estão implementadas por instituições públicas e privadas no Amapá e em outras regiões”.  Enfatiza Júlio Buscarons (prefeito de Calçoene).

Oportunidade com a sociobiodiversidade

“A oportunidade de conhecer de perto abelhas sem ferrão e o saboroso mel que elas produzem, é muito saudável. Além de que, as abelhas polinizam as plantas frutíferas de nossa região como o açaí que movimenta a economia com a produção de frutos, não somente para o agricultor familiar, mais para quem tem áreas verdes como chácaras, sítios, fazendas, tanto em pequena escala como em escala de produção acima de 51 colmeias” enfatiza Richardson Frazão, biólogo da Néctar Consultoria.

“Entendemos que essa atividade, assim como outras que o município tem vocação como a pesca, podem ser fortalecidas em ações que permitem integrar com o turismo e a produção de alimentos, na geração de trabalho, renda e ocupação no município“. Enfatiza Rogério Meireles (secretário de administração).

 

IMAGENS RELACIONADAS
  • 001
  • 002
  • 003
NEWSLETTER

Receba nossas notícias em seu e-mail ou celular.

Prefeitura de Calçoene
Teodoro Antônio Leal nº.264 - Centro CEP. 68.960.000 - -
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2019 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá